Grupo impede saída de ônibus e linhas não rodam nesta manhã em Ravena

Em menos de dez dias, esta é a segunda manifestação de moradores; na última segunda, 53 ônibus da empresas foram incendiados

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

Cerca de 15 moradores de Ravena, no distrito de Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, impedem a saída dos ônibus da empresa Saritur na manhã desta sexta-feira (14). O grupo é contra  a redução no quadro de horário da linha 4872 (Ravena / Estação São Gabriel).

De acordo com a 15ª Companhia Independente da Polícia Militar, o protesto começou por volta de 5h20 na porta da empresa, localizada na rua José Ferreira Cândido, e não há previsão para que seja encerrado. Duas viaturas da corporação acompanham os manifestantes.

Por enquanto, o ato é pacífico. A reportagem de O TEMPO tentou contato com a empresa, mas às ligações não foram atendidas.

Outro caso

Em menos de 10 dias, este é o segundo protesto de moradores. No dia 5 de novembro, manifestantes protestaram em frente à empresa e impediram a circulação dos ônibus por cerca de cinco horas.

Já na última segunda-feira (10), um incêndio  de grandes proporções destruiu pelo menos 53 ônibus da empresa. Além os veículos, as estruturas de um galpão pequeno, paredes de muros e escritórios do local também foram danificados pelo fogo. 

A polícia não descartou que o incêndio tenha sido criminoso. 

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave