Pagamento aos fornecedores estaria atrasado

Além da saúde, setores como educação e administração correm risco de ser prejudicados

iG Minas Gerais | Da Redação |

Fornecimento de combustível na prefeitura teria acabado
fotos servidor público
Fornecimento de combustível na prefeitura teria acabado

O problema no abastecimento de combustível dos veículos que prestam serviços para a prefeitura não estaria ocorrendo somente na saúde. Segundo denunciou um servidor nesta semana, setores como educação e administração correm risco de ser prejudicados. “Funcionários do setor de transportes da prefeitura afirmaram que o abastecimento dos carros da saúde está prejudicado há três dias. E a situação pode piorar, porque a prefeitura não pagou os fornecedores”.

Ainda segundo ele, por causa disso, as bombas de combustível que ficam no centro administrativo estão fechadas. “Se você passar lá, verá apenas os funcionários sentados, cumprindo horário. A situação está crítica. Daqui a pouco, é o transporte dos alunos que pode ficar prejudicado”, alertou.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave