PT impede debate de reforma política

Os petistas são contra parte da matéria que permite que os partidos políticos possam escolher entre financiamento público, privado ou misto para as campanhas

iG Minas Gerais |


José Guimarães defende base menor, mas fiel ao governo na Casa
Luis Macedo
José Guimarães defende base menor, mas fiel ao governo na Casa

Brasília. Mesmo com os apelos da presidente Dilma Rousseff pela aprovação de uma reforma política, deputados do PT deflagraram nesta quarta uma operação para bloquear o avanço de uma proposta em discussão na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara.  

Apesar de 15 líderes partidários terem assinado requerimento pedindo que a comissão apreciasse um texto fechado por um grupo de trabalho da Casa em 2013, petistas aturam para impedir o debate.

Os petistas são contra parte da matéria que permite que os partidos políticos possam escolher entre financiamento público, privado ou misto para as campanhas. Nesse texto, as doações de empresas serão apenas para partidos, o que impede de identificar o candidato beneficiado.

“A questão do financiamento torna a PEC inadmissível. Ela vai procurar constitucionalizar violações constitucionais”, afirmou o deputado Alessandro Molon (PT-RJ).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave