Durante aquecimento, Fábio é alvo da ira da Massa alvinegra

Torcida alvinegra cantou música que relembra gol marcado pelo atacante Vanderlei, em 2007, com o goleiro Fábio de costas para o lance

iG Minas Gerais | Thiago Prata |

Nome: Fábio Deivson Lopes Maciel / Nascimento: 30/09/1980 / 47 jogos na temporada / Defesas no Campeonato Brasileiro: 54 (11º no torneio nacional) / Cartões Amarelos no ano: 1 / Cartões vermelhos no ano: 0
Washington Alves/VIPCOMM
Nome: Fábio Deivson Lopes Maciel / Nascimento: 30/09/1980 / 47 jogos na temporada / Defesas no Campeonato Brasileiro: 54 (11º no torneio nacional) / Cartões Amarelos no ano: 1 / Cartões vermelhos no ano: 0

Com o Independência ainda com alguns espaços vazios, faltando meia hora para o início do primeiro clássico da final da Copa do Brasil, o goleiro Fábio foi alvo da ira dos torcedores do Atlético.

 

Assim que o arqueiro pisou no gramado do estádio para seu aquecimento, a Massa começou a cantar a música cujo ritmo dos hinchas argentinos virou moda entre os torcedores alvinegros. Um dos trechos da canção diz “vi o gol do Vanderlei, e o Fábio lá de costas a chorar”, seguido de um xingamento ao goleiro. Ele também era hostilizado com um grito homofóbico, proferido pela torcida alvinegra.

Esta parte remete ao clássico da decisão do Mineiro de 2007, na qual Fábio estava de costas, quando o atacante Vanderlei fez o quarto gol da goleada do Galo por 4 a 0 sobre a Raposa. O Atlético foi campeão naquele ano.

Antes de Fábio entrar no gramado nesta noite, o goleiro Victor foi ovacionado pela Massa.

Os dois arqueiros travarão um duelo a partir das 22h, no Independência, na primeira partida da final da Copa do Brasil.

Leia tudo sobre: AtléticoGaloCruzeiroRaposamegaclássicofutebolCopa do BrasilfinaldecisãoIndependênciacostasFábio