Basquete de Franca deve lançar 'vaquinha' virtual

Nessa terça, foi feita uma reunião entre torcedores e diretoria para tentar achar uma solução para os problemas financeiros do clube

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Valtinho tenta neutralizar a armação de jogada de Figueroa
NEWTON NOGUEIRA - DIVULGAÇÃO
Valtinho tenta neutralizar a armação de jogada de Figueroa

Endividado e sem patrocinador master, a equipe de basquete de Franca (a 400 km de São Paulo) deve lançar ainda nesta semana uma "vaquinha" virtual, na página oficial do time na internet.

A intenção é arrecadar R$ 300 mil, que é o custo de um mês do time. Os interessados poderão fazer sua doação on-line, na quantia desejada.

A diretoria do time fez uma reunião aberta com os torcedores na noite desta terça-feira (11), no ginásio Pedrocão, para esclarecer a situação financeira da equipe, que ameaça fechar as portas, e ouvir sugestões para contornar a situação.

Segundo a assessoria do time, durante a reunião os torcedores sugeriram, por exemplo, a promoção de jogos amistosos, palestras a serem ministradas pelo técnico do time, Lula Ferreira, além de eventos para arrecadar fundos.

A equipe é considerada a mais tradicional do basquete brasileiro e é a que tem mais títulos (11 nacionais). Além disso, o time disputa campeonatos ininterruptamente desde sua fundação, em 1959.

O clube tem também uma das torcidas mais fanáticas do basquete brasileiro e está apostando nesta força para superar a crise.

Segundo a diretoria, é possível manter o time até o final do campeonato que termina em maio de 2015- caso cada jogo em casa reúna 4.000 torcedores. Se não, pode parar a qualquer momento.

Serão em média quatro jogos em casa por mês no NBB (Novo Basquete Brasil). Os ingressos custam R$ 10 (arquibancada) e R$ 20 (numerada).

O time está com um dívida estimada em R$ 1 milhão -pagamentos de fornecedores e salários de atuais e ex-jogadores atrasados.

JOGO

A equipe francana enfrenta o Flamengo, atual campeão do NBB, nesta quarta (12), às 20h, no ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio. Ambos os times estão invictos no campeonato após duas partidas.

Leia tudo sobre: BasqueteFrancavaquinhaNBBajuda