Diretor de penitenciária sofre atentado e é salvo por colete

Vítima seguia para o trabalho, quando foi atingida por três dos tiros disparados pelos suspeitos; um dos bandidos foi atingido, mas nenhum deles foi localizado

iG Minas Gerais | Gustavo Lameira |

O diretor da Penitenciária Professor Aluízio Ignácio de Oliveira, em Uberaba, no Triângulo Mineiro, foi vítima de uma tentativa de homicídio na madrugada desta terça-feira (11), e salvo por estar usando um colete à prova de balas.

De acordo com a Subsecretaria de Administração Prisional (Suapi), a vítima foi abordada a caminho do trabalho, por volta das 4h, por quatro homens armados que estavam em um Gol e em uma motocicleta. O grupo atirou diversas vezes contra o diretor, que revidou, e acabou acertando um dos suspeitos. Mesmo assim, eles conseguiram fugir. O diretor foi atingido por três disparos, mas usava um colete balístico e saiu ileso.

A ocorrência foi registrada na Área Integrada de Segurança Pública (AISP), do bairro Boa Vista, em Uberaba. A Polícia Militar foi acionada e faz buscas aos suspeitos em postos de saúde e próximo ao local do crime.

O caso já foi encaminhado à Polícia Civil.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave