Amigos são baleados em linha férrea e um deles morre em Sabará

Familiares do jovem que morreu contaram à polícia que vítima foi ameaçado por dois traficantes da área; ninguém foi preso

iG Minas Gerais | CAROLINA CAETANO |

A Polícia Militar de Sabará, na região metropolitana de Belo Horizonte, está á procura de dois homens que atiraram em dois amigos que passavam por uma linha férrea, na madrugada desta terça-feira (11). Umas das vítimas morreu.

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, o jovem de 27 anos que sobreviveu contou aos militares que caminhava com Gleyston Olímpio de Souza, de 25, na rua Santana, em  Santo Antônio das Roças Grandes, quando foram abordados por dois homens armados.

Sem dizer nada, a dupla começou a atirar. Souza foi atingido várias vezes e não resistiu aos ferimentos. O corpo foi encontrado dentro e um buraco. Já a outra vítima conseguiu correr, pulou o muro de uma casa e pediu ajuda. Um dos moradores, que é polícia militar, socorreu o ferido, que levou um tiro na mão, e o levou para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade.

Familiares de Souza estiveram no local do crime e, ainda segundo a polícia, disseram que, há algumas semanas, o jovem tinha sido ameaçado por dois traficantes da região, conhecidos pelos apelidos de “Neném” e “Tonho”. No entanto, os parentes não disseram qual era o motivo das ameaças.

Os suspeitos não foram localizados. A Polícia Civil vai investigar o caso. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave