Paul abre nova turnê brasileira em estádio inacabado em Cariacica

Problemas estão no entorno do campo, onde ainda há muita terra e obras inacabadas, incluindo o que parece ser uma rampa de acesso para cadeirantes

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Paul abre nova turnê brasileira em estádio inacabado em Cariacica
Divulgação
Paul abre nova turnê brasileira em estádio inacabado em Cariacica

Voltando ao Brasil pelo quinto ano consecutivo desde 2010, Paul McCartney começa sua nova turnê nacional na noite desta segunda (10), em Cariacica (ES), na região metropolitana de Vitória.

O show, seu 16º no país, acontece no estádio estadual Kleber Andrade, cujas obras de reforma começaram em 2010 e não foram concluídas até hoje, mesmo com o local tendo servido de campo de treino para a seleção de Camarões durante a última Copa do Mundo.

Os maiores problemas estão no entorno do estádio, onde ainda há muita terra e obras inacabadas, incluindo o que parece ser uma rampa de acesso para cadeirantes. As obras estão orçadas em R$ 140 milhões, segundo o governo do Estado, e sua conclusão está prevista para o fim deste ano.

Dentro do estádio, a situação é melhor, ainda que as estruturas metálicas montadas para o show atrapalhem a visão de alguns pontos das coloridas arquibancadas, que lembram um quadro de Mondrian.

Também chama a atenção o fato de a pista premium, a mais próxima do palco, estar toda ocupada por cadeiras metálicas temporárias; será o primeiro show de McCartney no Brasil com esse formato, que não favorece os momentos mais animados da apresentação – que é, afinal, um show de rock.

O extenso repertório da apresentação, que dura três horas, privilegia os sucessos da época dos Beatles, de "All my Loving" ao medley com "Golden Slumbers/Carry that Weight/The End", passando por "Let it Be", "Hey Jude" e "Yesterday", dentre outras talhadas para a cantoria coletiva.

Há ainda canções da época do Wings (como "Band on the Run" e "Live and Let Die") e umas poucas de seu último álbum solo, "New" (2013), incluindo a faixa-título.

O show de McCartney é não apenas o primeiro do estádio Kleber Andrade, mas o primeiro dessa dimensão no Espírito Santo; a Prefeitura de Cariacica decretou ponto facultativo nesta segunda para a realização do evento.

Foram colocados à venda 35 mil ingressos; a organização não informou quantos foram vendidos, mas, até duas horas antes do show, ainda havia entradas para quase todos os setores, incluindo o mais caro (pista premium, com uma inusitada formação com cadeiras temporárias, a R$ 820) e o mais barato (pista comum, a R$ 120 para estudantes).

Após o show no Espírito Santo, a turnê segue para o Rio nesta quarta (12) e passará também por Brasília (23) e São Paulo (25 e 26/11).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave