Em consultoria simbólica, Catalunha vota sobre independência

Votações simbólicas, chamadas de "processos participativo", foram suspensas outrora pelo Tribunal Constitucional (TC) a pedido do Governo da Espanha

iG Minas Gerais | Da Redação |

Numa consultoria simbólica, cidadãos catalães votam neste domingo (9) sobre a sua independência. Os centros de votação, habilitados pelo governo autônomo catalão, abriram às 8h (horário local). A Catalunha é uma região espanhola.

Entidades e partidos independentistas, sob o amparo do Executivo autônomo, convocaram os catalães que desejassem se pronunciar sobre o futuro da Catalunha. As votações simbólicas, chamadas de "processos participativo", foram suspensas outrora pelo Tribunal Constitucional (TC) a pedido do Governo da Espanha.

A execução da jornada recai em 40.930 voluntários - incluídos funcionários e docentes - que se encarregam neste domingo de organizar a votação, presidir as mesas e ajudar na apuração, que será coordenada pelo Executivo catalão (Generalitat).

A Promotoria Superior da Catalunha pediu ontem à Generalitat que diga se ordenou ceder escolas para esta jornada e aos Mossos d'Esquadra (Polícia autônoma catalã). Também foi pedido identifiquem os responsáveis da abertura de locais públicos que serão usados como pontos de votação.

Segundo a Generalitat, o processo participativo conta com 1.317 locais de participação e 6.695 mesas nas quais se instalam milhares de urnas para a ocasião. O Governo catalão também ter deu a opção de imprimir a cédula através de página da internet que informa sobre o desenvolvimento do processo.

Faltando dados oficiais, os preparativos discorrem com normalidade, já que em princípio os voluntários puderam ter acesso sem problemas à maioria de pontos de votação habilitados, e a esta hora já se registram as primeiras filas em alguns colégios. 

Leia tudo sobre: votaçãoindependênciavotação simbólica