Salas de banho ganham mais espaços nas casas

Espaço ganha uma nova função dentro de casa ao primar pelo conforto dos moradores

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Houve época em que uma casa, por mais quartos e moradores que tivesse, abrigava apenas um banheiro, aquele espaço reservado para cumprir sua função de cuidados com a higiene pessoal. A essência permanece a mesma, mas hoje o desejo de compor um ambiente mais espaçoso, funcional e confortável para relaxar e cuidar do corpo e da mente dentro da própria casa é cada vez maior. Não é à toa que o banheiro foi promovido a um novo status e agora assume o conceito de sala de banho, algo bastante explorado em projetos contemporâneos de arquitetura e design de interiores.

“As pessoas estão procurando mais conforto dentro de casa, porque o dia a dia as tem consumido. Com tanto trabalho e estresse no trânsito, a casa se tornou um refúgio, e o banheiro um local de dedicação exclusiva ao corpo e à própria intimidade. É nesse espaço que as pessoas podem se conectar a elas mesmas e repor as energias para sair dali revigoradas”, explica a designer de interiores Fabiana Visacro.

Com um novo visual e uma nova função, a sala de banho tem ganhado destaque por se transformar em um ambiente ainda mais convidativo e multiuso, sem deixar de lado, é claro, a praticidade e todos os aparatos que a tecnologia tem a oferecer, seja para agradar à família ou ao casal. Não é à toa que os antigos banheiros estão se tornando ambientes nobres, nos quais os moradores andam investindo, e muito, em acabamentos de qualidade, tecnologia e detalhes de alto luxo.

“Hoje o mercado tem investido em produtos de alta tecnologia. São chuveiros com diversos tipos de jatos d’água – que funcionam praticamente como uma massagem para todo o corpo, vasos sanitários que já vêm com duchas acopladas e chuveiros com cromoterapia. Além disso, banheiras, cubas, acessórios e metais estão com ampla paleta de cores e um design mais bonito”, pontua o arquiteto Luís Fábio de Araújo. “Para proporcionar um maior relaxamento no espaço, o uso de elementos naturais, como madeira, pedras e plantas também é sempre bem-vindo”, acrescenta Fabiana.

Acertar na escolha das tonalidades é tão importante quanto apostar em um bom projeto de iluminação, que deve ser prático e mais intimista para criar um clima relaxante. “As cores nesse espaço devem ser escolhidas com muita parcimônia por proporcionar aos usuários o relaxamento e também setorizar o espaço que, na maioria das vezes, é bastante amplo e possui mais de uma função”, ressalta a designer de interiores Laura Santos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave