Uma sopa de criatividade

iG Minas Gerais | Da Redação |

Os bonecos Sandrete e Pauleco acompanham a história de um ratinho apaixonado
Caio Galloucci
Os bonecos Sandrete e Pauleco acompanham a história de um ratinho apaixonado

“Não leve esse espetáculo ao pé da letra, porque essa história não tem pé nem cabeça”. Mas tem duas décadas de memórias, 21 discos lançados e três livros publicados. E é com toda esta bagagem que a dupla Sandra Peres e Paulo Tatit, do Palavra Cantada, comemora 20 anos de sucesso com o musical “Palavra Cantada Sem Pé Nem Cabeça”, em cartaz, no próximo sábado (15), no Palácio das Artes.

O espetáculo, que estreou em maio deste ano, em São Paulo, teve a difícil missão de traduzir o rico repertório do Palavra Cantada. Foram quatro anos de estudo e muitas alterações até se chegar ao formato que o musical tem hoje. “A parte mais difícil foi deixar algumas músicas de fora. São tantas que poderíamos fazer vários espetáculos”, afirma Marília Toledo, diretora do musical que já passou por nove cidades do Sul, Sudeste e Nordeste.   No enredo, os bonecos Pauleco e Sandrete, de 1,40 m, dão vida a Sandra e Paulo. Eles acompanham a história de um ratinho que quer se casar, após viver anos de solidão. Quem conhece a música da dupla paulista provavelmente já sabe o final dessa história que rende proposta de casamento à lua, à nuvem, à brisa, à parede...    Na trilha sonora do espetáculo, 17 sucessos, entre eles “Sopa”, “Bruxa Feia” e “Bolacha de Água e Sal”. Além dos bonecos, a história é encenada por 14 artistas que cantam ao vivo, dançam, manipulam, interpretam e trocam de figurino várias vezes. “A graça do espetáculo está nos bonecos e nos bailarinos que são muito coloridos”, conta Marília.   Pela primeira vez em 20 anos de carreira, a dupla se viu sob outra perspectiva, pois não estará no palco. “A sensação é como se não tivéssemos domínio da nossa obra, pois ela está aí, no mundo, pronta para ser transformada e expandida por outras mãos”, revela Paulo que, assim como Sandra, ajudou no processo de montagem do espetáculo.    Palavra Cantada Sem Pé Nem Cabeça, O Musical Palácio das Artes (av. Afonso Pena, 1537, centro, 3236-7400). Sábado (15), às 16h e 18h30. R$ 80 (plateia, inteira) e R$ 50 (balcão, inteira). 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave