América enfrenta Icasa para continuar sonhando com acesso

Em busca da série A, Coelho precisa vencer desesperado Icasa no Independência

iG Minas Gerais | Da Redação |

Nono colocado na tabela  e  a cinco pontos do G-4, só a vitória interessa ao América, hoje, diante do Icasa, às 17h20, no Independência, pela 34ª rodada da série B do Campeonato Brasileiro. Cientes da importância de vencer para continuar sonhando com a classificação à séria A, os atletas encaram a partida  como a primeira  de uma série de decisões até o fim da competição, uma vez que a vitória deixará a equipe a dois pontos do Avaí, último na zona de classificação.

O América teve uma semana de treinamento intenso, na qual chegou a realizar as atividades no próprio Independência. Na tarde de ontem, a equipe finalizou a preparação com um treino recreativo, seguido de trabalhos de finalização com ênfase para jogadas de bola parada. Para o jogo, o técnico Givanildo convocou 21 jogadores e as novidades ficam por conta das presenças do lateral-esquerdo Carlos Renato, os zagueiros César Lucena e André e o meia-atacante Diney.

Se o Coelho ainda sonha com o acesso, o Icasa vem a Belo Horizonte com o objetivo vencer e sair da zona de rebaixamento, onde ocupa a 17ª colocação, como garante o técnico Vladmir de Jesus. “Estamos prontos para o importante jogo diante do América e a palavra de ordem continua sendo a vitória a todo custo. Sabemos da qualidade do adversário, mas temos que sair desta zona de desconforto e voltar para casa com os três pontos”, explica.

Mesmo dependendo de uma combinação de resultados – o América precisa vencer e torcer pelos tropeços de Atlético-GO, Santa Cruz, Ceará e Boa Esporte-  o meia-atacante Williams acredita que o Coelho conseguirá impor seu jogo diante do adversário. “Mesmo eles (Icasa) precisando do resultado, acho que vão jogar atrás da linha da bola, brigando por uma bola e indo no contra-ataque. Então, nós temos que estar concentrados o tempo todo. É um jogo de seis pontos (em opostos) importantíssimo para nossa equipe, que está brigando para chegar ao G4. Não podemos ter erros, para conseguir fazer uma marcação boa e sair com a vitória”, comenta.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave