Dentil-Praia Clube estreia na Superliga com foco de superar melhor res

Equipe de Uberlândia dá saque inicial na competição neste sábado, contando com equipe de alto nível

iG Minas Gerais | DANIEL OTTONI |

Para técnico Ricardo Picinin, time do Praia ainda tem muito a melhorar
Praia Clube/Divulgação
Para técnico Ricardo Picinin, time do Praia ainda tem muito a melhorar

 

Em busca de um feito inédito - estar entre as quatro melhores equipes do país -, o Dentil-Praia Clube estreia, neste sábado, na Superliga feminina. O clube de Uberlândia, que tem uma quinta posição como o melhor resultado em sua história, estreia hoje na Superliga feminina, onde entra pela sétima vez.

O adversário será o São Bernardo Vôlei, equipe que deve brigar na parte de baixo da tabela. O jogo acontece no Triângulo Mineiro, às 18h.

Depois de conquistar dois títulos no começo deste novo trabalho - Campeonato Mineiro e Copa Dentil-Praia Clube - , o time do técnico Ricardo Picinin, recém-chegado, espera corresponder às expectativas de altos investimentos. Jogadoras de bom nível foram contratadas e uma boa dose de esperança está depositada em suas mãos. É o caso da ponta Sassá, da central Natasha, da oposta Tandara e da ponta cubana Daimy Ramirez, que está de volta ao clube.

"O Praia vem crescendo nos últimos anos, buscando coisas novas, almejando objetivos maiores. Isso é importante para qualquer atleta", indica a central Natasha, com passagens por Camponesa-Minas e Rexona-Ades-RJ.

Uma das principais armas de Ricardo Picinin será a oposta Tandara, da seleção brasileira. Ela chega com a responsabilidade de ser a grande definidora do elenco. Será para ela que as bolas irão chegar quando a coisa apertar. "Estou no melhor momento da minha carreira. É uma fase de transição que vivo já há uns dois ou três anos. Estou desfrutando deste momento e aprendendo bastante. Amadureci muito nas últimas temporadas", comemora Tandara.

Para ela, o time tem totais condições de superar seu melhor resultado. "O Praia pode sim chegar não somente nas semis, como na final. Vamos mostrar a nossa força, O clube já saiu de um nível mediano para ser um time de ponta, depois de crescer em todos os aspectos", analisa.