Dátolo se emociona para falar do gol e da alegria de jogar no Galo

Meia argentino extravasou ao balançar as redes do Flamengo, após passar uma noite em branco

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA |

Dátolo quer se tornar também o cobrador oficial de faltas no time
Bruno Cantini / Atlético
Dátolo quer se tornar também o cobrador oficial de faltas no time

Se no jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil, no Maracanã, o meia Dátolo fez uma partida muito ruim, na partida de volta, no Mineirão, ele orquestrou o meio-campo do Galo rumo a mais uma goleada histórica. E foi premiado com um gol no triunfo por 4 a 1 em cima do Flamengo.

Ao anotar o terceiro tento do Atlético, Dátolo parecia um jovem recém-formado na base, que se emociona diante de um momento importante. Na comemoração, pulou, gritou, balançou os braços com força e beijou o escudo do Galo várias vezes, como um torcedor apaixonado.

“Foi muito importante para mim. No jogo passado, eu tinha errado um gol praticamente feito. Não conseguia dormir à noite seguinte. Mas sabia que teria outra oportunidade e hoje (quarta-feira) finalmente veio”, disse o hermano, com a emoção ainda transparecendo.

“Foi um jogo muito difícil. O Flamengo tem um grande elenco, mas o apoio da nossa torcida ajudou muito. E fizemos um jogo histórico. A emoção é muito grande. Estou bem na posição que estou, e o Levir me passa muita confiança”, completou.

Na final diante do Cruzeiro, ele espera vivenciar este momento novamente. “Um jogo muito disputado, jogo bom para jogar. Será uma linda final”, comentou.

Leia tudo sobre: AtleticoGaloDátolo