Contra o Galo, Luxa quer seriedade e entrega total em campo

Técnico do Flamengo pediu a seus jogadores que encarem o segundo duelo com o Atlético como uma decisão

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Luxemburgo ainda terá muito trabalho para acertar a equipe do Flamengo
Site oficial/Divulgação
Luxemburgo ainda terá muito trabalho para acertar a equipe do Flamengo

A vantagem de 2 a 0 sobre o Atlético, conquistada na primeira partida das semifinais da Copa do Brasil, não é motivo para que o Flamengo enfrente o Galo, nesta quarta-feira, às 22h, no Mineirão, de forma relaxada. Quem alerta é o técnico Vanderlei Luxemburgo, que espera que os atletas do Rubro-Negro encarem os mineiros como se fosse a decisão do título.

"Quem tem DNA de vencedor vai jogar uma decisão. É um confronto igual, de camisa, e estamos preparados para uma decisão. Serão 90 minutos de muita entrega e suor, respeitando o Atlético, que é um grande time, ainda mais jogando em Minas Gerais", avaliou o treinador .

Além de Luxa, quem também está preocupado com o “fator vantagem” é o zagueiro Wallace. Para o jogador, é importante que o time carioca esteja atento em campo para não repetir erros de outras equipes que enfrentaram o Galo no Mineirão.

“Vamos usar a vantagem da melhor maneira possível. Precisamos ser cautelosos, mas temos de atacar também. E não fazer o que o Corinthians fez”, afirmou o zagueiro.

No jogo desta quarta-feira, o Flamengo tem a vantagem de poder empatar ou perder por um ou dois gols de diferença – nesse último caso, desde que ele também marque no Mineirão. Já o Galo precisa ganhar por três tentos de diferença para se classificar direto. O placar de 2 a 0 leva a disputa para os pênaltis.

Leia tudo sobre: vanderlei luxemburgoflamengoatleticocopa do brasil