Ministério Público do Rio denuncia Adriano por tráfico de drogas

Atacante é acusado de cometer dois crimes: tráfico de drogas e associação ao tráfico

iG Minas Gerais | Redação |

Adriano, em viagem para a França, para acertar detalhes com o Le Havre, na última semana
Reprodução/ Facebook
Adriano, em viagem para a França, para acertar detalhes com o Le Havre, na última semana

O  atacante Adriano foi denunciado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro por tráfico de drogas e associação ao tráfico nesta terça-feira. O jogador, que tenta uma negociação com o Le Havre, da segunda divisão francesa, pode ser condenado a 15 anos de prisão, caso seja considerado culpado.

A denúncia foi feita pela 1ª Central de Inquéritos do Ministério Público do Rio de Janeiro e foi baseada em um presente que Adriano deu para um traficante da Vila Cruzeiro: uma moto potente que teria sido utilizada para o tráfico de drogas.

A moto foi colocada no nome da mãe do traficante Paulo Rogério de Souza Paz, o "Mica”, amigo de Adriano que dominava a Vila Cruzeiro, na época da compra, em 2007.

A denúncia não aponta necessidade de prisão do jogador, mas prevê o recolhimento do passaporte de Adriano para que uma possível fuga seja evitada.