China restringe transmissão de séries estrangeiras na internet do país

Todas as produções feitas fora do país precisarão de permissão e serão avaliadas previamente pelo aparato de censura estatal, segundo o jornal "China Daily"

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Divulgação
undefined

Após censurar em abril séries americanas como 'The Big Bang Theory', a China endureceu ainda mais as regras para transmissões online de episódios e filmes estrangeiros na internet do país.

Segundo o jornal "China Daily", todas as produções feitas fora de lá precisarão de permissão e serão avaliadas previamente pelo aparato de censura estatal antes de ser liberadas por streaming, modo de transmissão em que o usuário pode assistir à obra online.

Esse tempo extra que os fãs chineses terão de esperar para assistir seus programas preferidos gerou controvérsia e se tornou um dos assuntos mais comentados do Sina Weibo, uma espécie de Twitter do país.

Segundo o "The Hollywood Reporter", muitos dizem que o reforço do governo tem o objetivo retirar da internet material considerado "imoral" e faz parte de uma política que está banindo da televisão artistas que são pegos em escândalos sexuais ou usam drogas.

Em agosto, após o diretor Wang Quan'an ser preso por "pagar por sexo" e o ator Jaycee Chan (filho de Jackie Chan) ser flagrado fumando maconha, o departamento de comunicação chinês afirmou que "celebridades que infringem a lei não devem ser convidadas para programas".

De acordo com o "China Daily", alguns produtores sul-coreanos já tentam se antecipar e disponibilizar episódios para análise.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave