Doença faz Cristina Kirchner cancelar encontro com líder chilena

Ela permanece internada desde o domingo (2) em um hospital de Buenos Aires por um quadro de infecção e febre

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Em mensagem a Dilma, Cristina Kirchner pede que Copa
Natacha Pisarenko/AP photo - 2.12.2008
Em mensagem a Dilma, Cristina Kirchner pede que Copa "fique na Pátria Grande"

Cristina Kirchner permanece internada desde o domingo (2) em um hospital de Buenos Aires por um quadro de infecção e febre. O informe dos médicos no mesmo dia afirma que ela foi hospitalizada para exames e tratamento.

Segundo o jornal "Clarín", Cristina está com uma infecção de bactérias no intestino, deve ficar mais um dia internada e depois disso permanecer em repouso na residência presidencial na cidade de Olivos, ao norte de Buenos Aires.

Durante a entrevista coletiva na manhã de segunda (3), o ministro Jorge Capitanich, chefe do gabinete da presidência, afirmou que não há novidades sobre a saúde da presidente. Ele disse que conversou com Cristina no próprio domingo, antes da internação. Consultada, a diretoria do hospital diz que, por enquanto, não há novos boletins médicos.

Um encontro com a presidente do Chile, Michelle Bachelet, foi cancelado. Bachelet viria a Buenos Aires para, junto com Cristina, fazer uma videoconferência com o papa Francisco.

No fim de 2011, noticiou-se na Argentina que a presidente Cristina sofria de câncer na tireoide. O diagnóstico, no entanto, não foi confirmado. Há duas semanas, ela teve um quadro de faringite.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave