Cadeira ajuda deficiente a se levantar

Projetos preocupados com a sustentabilidade e economia de água também fazem parte da programação

iG Minas Gerais | Litza Mattos |

Outro projeto inovador que será apresentado durante a feira é a cadeira ortostática dinâmica desenvolvida pelo estudante de Engenharia de Biomédica, Walef Ivo Carvalho. O projeto, iniciado com um grupo de amigos ainda quando estudava na Escola Técnica de Eletrônica, teve seu protótipo aprimorado depois que o pai do aluno sofreu um trauma na coluna, ficando dependente de uma cadeira de rodas.  

“Consegui a doação de motores e, agora, além de conseguir se levantar, o deficiente físico irá se movimentar com o auxílio da cadeira”, disse Carvalho. O projeto foi apresentado este mês no Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica e já foi reconhecido pela Yale and Engineering Association University e pela Secretaria Brasileira da Pessoa com Deficiência.

Projetos preocupados com a sustentabilidade e economia de água também fazem parte da programação. O Aqua Mundi foi desenvolvido pela estudante Tatiana Volpato, que propõe a reutilização da água salgada de maneira sustentável. “A osmose reversa, aplicada atualmente, utiliza um polímero altamente poluente”.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave