Felipe Massa analisa circuito de Austin: “bom para ultrapassagem”

Equipe Williams espera garantir pelo menos um pódio no GP dos EUA para se distanciar da Ferrari na disputa do Mundial de Construtores

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Massa acredita que a Williams poderá ser ainda mais competitiva na segunda metade da temporada
REPRODUÇÃO/SITE OFICIAL FELIPE MASSA
Massa acredita que a Williams poderá ser ainda mais competitiva na segunda metade da temporada

Faltando dois dias para o início dos treinos que vão determinar a classificação no grid para o GP dos EUA, no próximo domingo, dia 2 de novembro, Felipe Massa, da Williams, já está se familiarizando com o Circuito das Américas. O brasileiro elogiou a pista de Austin e acredita que poderá ter uma vantagem para uma ultrapassagem na longa reta do circuito.

“A pista em Austin é grande, pois há uma verdadeira mistura de curvas de alta e baixa velocidade, com algumas áreas muito técnicas. Setor é muito rápido, semelhante a de Suzuka, com uma longa reta que nos dá a chance de ultrapassagem. É uma pista divertida de conduzir e onde podemos ter um bom resultado. Austin também é realmente um grande lugar e dá entusiasmo para a Fórmula 1, então vamos esperar por um bom fim de semana”, avaliou o piloto.

O GP dos EUA é o antepenúltimo da temporada, que chegará ao fim após os Grande Prêmios do Brasil, no dia 9 de novembro, e de Abu Dhabi, no dia 23 – prova que terá pontos dobrados. Sem chances de título de pilotos, a Williams direciona a sua atenção para a conquista do terceiro lugar no Mundial de Construtores.

A equipe inglesa tem 216 pontos, contra 188 da Ferrari, quarta colocada e que também almeja o terceiro lugar na competição das escuderias. O terceiro colocado na competição garante R$17 milhões a mais de premiação do que o quarto lugar. O valor exato do prêmio só é definido ao fim da temporada, porque leva em consideração o total arrecadado com os direitos da Fórmula 1.

Companheiro de equipe de Massa, o finlandês Valtteri Bottas afirma que o objetivo da Williams é garantir um pódio em Austin.

"Austin é uma pista muito legal, uma das melhores do calendário. A cidade é agradável, os fãs e a atmosfera são ótimas, por isso é um dos melhores lugares da temporada para ir. Tenho boas lembranças de lá, pois foi o lugar que eu consegui os meus primeiros pontos na Fórmula 1, na última temporada. Estamos definitivamente focados para estar no pódio novamente e ampliar a vantagem que temos da Ferrari em termos de pontos de Construtores. Estamos com uma sensação positiva sobre o Texas, por isso deve ser divertido", concluiu Bottas.  

Leia tudo sobre: felipe massaaustingp dos euavaltteri bottaswilliamsformula 1