Obama liga para Dilma e diz querer encontrá-la no G20 em novembro

Na mensagem divulgada nesta segunda, presidente americano afirmou também que quer discutir com a brasileira como aumentar a cooperação bilateral em assuntos de interesse mútuo

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Em um gesto de aproximação, o presidente norte-americano Barack Obama ligou para a presidente Dilma Rousseff nesta terça-feira (28) para parabenizá-la por sua reeleição e disse esperar encontrá-la na reunião do G20, que acontece em novembro na Austrália. Nesta segunda (27), ele já havia mandado mensagem oficial e cumprimentos pelo Twitter.

Em 2013, Dilma cancelou uma vista oficial que faria aos Estados Unidos depois que vazamentos de documentos sigilosos do governo americano revelaram que ela, assessores e a Petrobras haviam sido alvo de espionagem pela NSA (Agência de Segurança Nacional dos EUA). Na época, Obama chegou a ligar para Dilma para tentar evitar o cancelamento da viagem.

Passado um ano, Obama disse hoje que valoriza a parceria bilateral com o Brasil e que vê grandes oportunidades de cooperação nas áreas econômico-financeira e de energia, segundo informou a Secretaria de Comunicação Social da Presidência.

O presidente americano sugeriu ainda que equipes dos dois países "trabalhem os mecanismos existentes para definir a agenda para 2015, estabelecendo as bases para preparação da visita de Estado da Presidente brasileira aos EUA em momento oportuno".

Na mensagem divulgada nesta segunda, Obama afirmou também que quer discutir com Dilma como aumentar a cooperação bilateral em assuntos de interesse mútuo, como educação, energia e comércio. Ele afirmou ainda que deve haver uma colaboração maior entre os dois países para "promover a segurança, a prosperidade e o respeito aos direitos humanos", em âmbito global.

Dilma agradeceu os cumprimentos do colega e afirmou ter "todo o interesse em estreitar laços com os Estados Unidos". Ela afirmou ainda que terá "satisfação" em encontrar Obama na reunião do G20 e disse ser importante o trabalho bilateral para viabilizar uma visita de Estado aos EUA.

Obama contou à Dilma também que o vice-presidente Joe Biden lhe transmitiu impressões muito positivas sobre a reunião que teve com Dilma quando veio ao Brasil para participar da abertura da Copa do Mundo.

ELEIÇÕES

Na ligação, Obama afirmou que o pleito eleitoral demonstrou a solidez da democracia brasileira. Em resposta, Dilma disse que a eleição foi importante para o Brasil e para a América do Sul.

Dilma recebeu também ligação do presidente da Guiné Bissau, José Mario Vaz, que a cumprimentou pela reeleição. Ele desejou êxito no novo governo. Dilma agradeceu e disse que manterá alta prioridade nas relações com a África e disse que o governo da Guiné Bissau pode contar com o apoio brasileiro para a consolidação da democracia e do desenvolvimento econômico e social do país.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave