Goleiro Rafael opera o joelho e deve ter alta ainda nesta terça

Reserva de Fábio corrigiu problema no menisco direito e não tem previsão de volta aos gramados

iG Minas Gerais | GUILHERME GUIMARÃES |

Depois de várias tentativas para recuperar um problema na perna direita, o goleiro Rafael precisou mesmo passar por cirurgia. Na manhã desta terça-feira, o reserva de Fábio operou o menisco do joelho direito no Hospital Belvedere e o responsável pelo procedimento cirúrgico foi o médico Ernane Avelar, especialista em ortopedia e traumatologia.

Segundo informou a assessoria de imprensa do Cruzeiro, Rafael deixou a sala de operações às 11h20 desta terça. O médico da Raposa, Sérgio Freire Júnior acompanhou todo o procedimento.

O Cruzeiro não informa o período de recuperação do goleiro, mas comenta a operação: “Foi uma cirurgia simples. Para esse tipo de operação tem sido comum os atletas receberem alta no mesmo dia. Mas, vamos esperar o diagnóstico dos médicos. A operação aconteceu sem problemas, está tudo bem com o Rafael”, disse o diretor de comunicação Guilherme Mendes.

Antes da operação, Sérgio Freire Júnior havia explicado a necessidade da intervenção cirúrgica.

“Nós confirmamos o diagnóstico do Rafael, que foi uma lesão no menisco do joelho direito e era uma situação onde poderia evoluir para uma cirurgia ou não. A gente acabou tentando uma abordagem não evasiva, colocando-o para fazer algumas atividades, só que ele realmente não tolerou. Então, dessa forma, decidimos realizar a cirurgia. Ele irá operar amanhã de manhã, fará a artroscopia e depois seguirá todo o processo de reabilitação até o seu retorno”, disse o médico em entrevista ao site oficial do Cruzeiro.

Seguindo sua política, o Cruzeiro não divulga o período de recuperação do goleiro Rafael, que não tem previsão de retorno aos gramados. 

Leia tudo sobre: cruzeiroraposarafaelernane avelarhospital belvedere