Tricolor a cinco pontos do líder

Com dois gols nos primeiros cinco minutos de jogo, equipe paulista liquida a partida

iG Minas Gerais |

União. Jogadores do São Paulo comemoram um dos gols da equipe na partida de ontem à noite, no Morumbi, que fechou a 31ª rodada
MISTER SHADOW/estadão conteúdo
União. Jogadores do São Paulo comemoram um dos gols da equipe na partida de ontem à noite, no Morumbi, que fechou a 31ª rodada

São Paulo. Com um início arrasador e uma grande atuação de Michel Bastos, o São Paulo venceu o Goiás, por 3 a 0, nesta segunda, e se aproximou do líder Cruzeiro no Brasileirão. O meia, que atuou na vaga do suspenso Kaká, deu assistência para os três gols, sendo dois deles nos primeiros cinco minutos de jogo, e foi decisivo para o triunfo no Morumbi.

O resultado levou o São Paulo aos 56 pontos, na segunda posição. Em meio a tantos tropeços do Cruzeiro, a diferença para o líder caiu para cinco pontos. Mas, agora, o time dá um tempo no Brasileirão e volta suas atenções para a Sul-Americana, já que, na quinta-feira, receberá o Emelec-EQU, no Morumbi, pela partida de ida das quartas de final do torneio. Já o Goiás voltou a tropeçar após cinco partidas de invencibilidade e estacionou nos 41 pontos, na nona colocação, sem maiores pretensões na competição. A equipe só volta a campo no sábado, contra o Fluminense, em casa, pela 32ª rodada do Brasileirão. O JOGO. O São Paulo começou destruidor, jogando no campo de ataque, e marcou duas vezes logo no começo. A primeira, aos 2 min, quando Michel Bastos bateu falta pelo canto esquerdo, Edson Silva se antecipou à zaga goiana e desviou no canto esquerdo do goleiro Renan. Michel Bastos era o dono do jogo e, aos 5 min, aproveitou erro na saída de bola do Goiás para roubar, avançar pela esquerda e rolar no meio para Luis Fabiano. O atacante invadiu a área e tocou na saída de Renan. Os goianos melhoraram no fim da etapa final e chegaram a ameaçar uma pressão, mas nada que assustasse os donos da casa. O segundo tempo começou bem diferente. Era o Goiás que incomodava, com muita movimentação no ataque e bons chutes de Erik e Bruno Mineiro. Mas, quando os visitantes viviam seu melhor momento, saiu o terceiro do São Paulo, aos 13 min, matando a partida. 

Criciúma Técnico demitido. Após uma sequência de três derrotas seguidas no Brasileiro, o Criciúma anunciou nesta segunda a demissão do técnico Gilmar Dal Pozzo. O time é o lanterna da Série A.

Corinthians é absolvido no caso Petros Escalação irregular. O Corinthians foi absolvido por unanimidade, nesta segunda, pela 5ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por suposta irregularidade na escalação do meia Petros na partida contra o Coritiba, pela 13ª rodada do Brasileiro. O clube corria o risco de perder quatro pontos e se afastar da briga por uma vaga na Libertadores de 2015. A tendência, porém, é que uma decisão final passe pelo Pleno do tribunal, já que a procuradoria deve entrar com recurso. Risco. Caso fosse punido, o clube cairia duas posições na tabela e ficaria a exatamente quatro pontos da zona de classificação à Libertadores – com os atuais 53, o time tem a mesma pontuação do Internacional, mas perde nos critérios de desempate. Motivo. A denúncia da procuradoria se originou após o Departamento de Registro e Transferência da CBF confirmar que o contrato de Petros fora registrado no dia 1º de agosto, uma sexta-feira. Mas o novo acordo firmado entre o jogador e o Corinthians é datado do dia 2, um sábado, quando não há expediente na CBF. Assim, no entendimento da procuradoria, ele somente estaria apto a atuar a partir da segunda-feira.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave