Aécio vota no mesmo colégio onde Dilma estudou em Belo Horizonte

O candidato foi acompanhado da esposa, Letícia Weber, e demorou cerca de 8 segundos para votar

iG Minas Gerais | Da Redação |

Aécio demorou cerca de 8 segundos para votar
Reprodução Twitter
Aécio demorou cerca de 8 segundos para votar
O candidato Aécio Neves, do PSDB, votou hoje (26) por volta das 10h20, no Colégio Estadual Central, como é conhecida a atual Escola Estadual Governador Milton Campos. O candidato foi acompanhado da esposa, Letícia Weber, e demorou cerca de 8 segundos para votar.   Na escola pública, Dilma Rousseff, candidata à reeleição pelo PT, ingressou em 1964, para cursar o ensino médio.   Dilma foi admitida no colégio no mesmo ano do Golpe Militar. Na biografia da candidata na página da Presidência da República na internet, é descrito como, naquela época, um “centro da efervescência estudantil da capital mineira”. Foi lá que, aos 16 anos, Dilma iniciou a vida política, integrando organizações de combate ao regime militar.   Pelos bancos do Colégio Estadual Central também passaram outros alunos que se tornaram personalidade do país, como o escritor Fernando Sabino, o cartunista Henfil e seu irmão, o sociólogo Betinho, o recém-eleito governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, o ex-jogador tricampeão mundial de futebol Tostão e o ator José Mayer.   Hoje, dia daquela que é considerada a eleição presidencial mais disputada desde 1989, os caminhos dos dois mineiros, nascidos na capital do estado, Belo Horizonte, cruzam mais uma vez, no Colégio Estadual Central, onde, Aécio Neves votará. No primeiro turno, o candidato teve dificuldade para entrar e sair da escola, dado o assédio dos eleitores querendo cumprimentá-lo e tirar fotos.   Depois de votar, Aécio concedeu entrevista coletiva no Hotel Mercure, a cerca de 200 metros da Escola Estadual Governador Milton Campos. Até o fim da apuração dos votos, que terá sua primeira parcial para presidente divulgada somente às 20h, devido à diferença de 3 horas para o fuso-horário para o Acre, o candidato permanecerá em casa com a família. À noite, deve conceder coletiva de imprensa comentando o resultado.      

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave