Marcelo Moreno revela preocupação com fase celeste

Queda de rendimento da Raposa coincide com o declínio do atacante boliviano; o jogador, um dos artilheiros do Brasilero, não balanças as redes há seis jogos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

ESPORTES - CRUZEIRO
FLORIANOPOLIS / SANTA CATARINA / BRASIL -Figueirense x Cruzeiro, no estádio Orlando Scarpelli , pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro .

FOTO: Petra Mafalda/Light Press - 25.10.2014
Petra Mafalda/Light Press
ESPORTES - CRUZEIRO FLORIANOPOLIS / SANTA CATARINA / BRASIL -Figueirense x Cruzeiro, no estádio Orlando Scarpelli , pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro . FOTO: Petra Mafalda/Light Press - 25.10.2014

Nos últimos cinco jogos do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro só conseguiu uma vitória. Nos demais compromissos, uma sequência de falhas sacramentaram tropeços inesperados. O último deles foi o empate por 1 a 1 com o Figueirense, neste sábado, em Florianópolis. A equipe vencia até os 47 minutos do segundo tempo, mas foi castigada por priorizar o sistema defensivo em detrimento do compromisso com o ataque. Após a partida, o atacante Marcelo Moreno revelou sua preocupação com o desempenho do time.

"Isto faz a diferença dentro de campo. A gente sente jogo a jogo, não estamos conseguindo ter a bola como a gente tinha nos jogos passados. A gente veio aqui para buscar a vitória, mas saímos com este empate. Um resultado com sabor de derrota e que vai nos deixar pensando na viagem de volta para Belo Horizonte", analisou Marcelo Moreno.

Curiosamente, a queda de rendimento da Raposa coincide com o declínio do atacante boliviano. O jogador, um dos artilheiros do Brasileiro com 13 gols, não balanças as redes há seis partidas. 

Apesar disto, a equipe segue na liderança com 61 pontos, mas pode ver a diferença cair para cinco pontos em caso de vitória do São Paulo sobre o Goiás, na segunda-feira. O duelo fecha a 31ª rodada do torneio nacional.