Tropas federais atuarão em 13 municípios do Ceará

Antes disso, o Tribunal Superior Eleitoral havia autorizado a presença de 2.500 militares em onze cidades cearenses

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

No segundo turno das eleições neste domingo (26), 13 municípios do Ceará receberão tropas federais. Nesta sexta-feira (24), o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) confirmou que os municípios de Guaiuba e Itaitinga também vão ter reforço do Exército. Antes disso, o Tribunal Superior Eleitoral havia autorizado a presença de 2.500 militares em onze cidades cearenses.

A capital Fortaleza é um dos municípios que terá a presença das Forças Federais. As outras cidades são Juazeiro do Norte, Crato, Barbalha, Sobral, Crateús, Aracati, Caucaia, Maracanaú, Maranguape e Pacatuba.

A dona de casa, Tânia Maciel, de 64 anos, acha que a presença dos militares nas ruas vai ajudar para que a votação ocorra com mais tranquilidade. “É uma boa, né? Desde que seja para a segurança do povo.”

A comerciante Dalva Monteiro, 48 anos, defende que o tempo de presença das tropas federais seja estendido em Fortaleza. “O bom seria que eles fizessem isso todos os dias, porque aqui em Fortaleza nós não temos segurança. Há nove anos eu trabalho nessa banca [de revistas], e a pelo menos dois, todas as vezes que passa alguém de bicicleta ou moto eu fico morrendo de medo. Ao invés de me sentir mais segura no meu trabalho, eu estou é regredindo”, queixa-se a comerciante.

O reforço na segurança das eleições no Ceará, com a presença do Exército, foi um pedido do procurador Regional Eleitoral, Rômulo Conrado. De acordo com o Ministério Público do estado, houve a suspeita de repressão ao trabalho da Polícia Militar no primeiro turno, dia 5 de outubro. Segundo a investigação, as viaturas da PM ficaram paradas em alguns pontos das cidades, aguardando comando dos órgãos de segurança. Isso teria impedido a ronda dos policias nos locais próximos à votação.

Além dos militares do Exército, 10,2 mil policiais civil e militares também vão trabalhar no Ceará no domingo.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave