Ex-diretor diz que deu R$ 20 mi a Campos

Era Bezerra quem tratava com os responsáveis pela obra, que já teve superfaturamento constatado pelo Tribunal de Contas da União

iG Minas Gerais |

SÃO PAULO. O ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa afirmou que intermediou o pagamento de R$ 20 milhões para o caixa 2 da campanha à reeleição do então governador de Pernambuco, Eduardo Campos, em 2010. De acordo com o jornal “O Estado de S. Paulo”, a revelação consta em depoimento da delação premiada que faz parte dos autos da operação Lava Jato.  

Ainda de acordo com Costa, a transação foi intermediada pelo ex-ministro da Integração Nacional e senador eleito em Pernambuco Fernando Bezerra (PSB), na época secretário de Desenvolvimento do Estado e presidente do Porto de Suape.

Era Bezerra quem tratava com os responsáveis pela obra, que já teve superfaturamento constatado pelo Tribunal de Contas da União.

Controle

Chefe. EraCosta quem presidia o conselho de administração da Refinaria Abreu e Lima, empresa constituída para tocar as obras avaliadas em R$ 2,5 bilhões e que já consumiu mais de R$ 20 bi.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave