Willian relembra 'tempo feliz' no Figueira, mas que vencer ex-clube

Atacante atuou com a camisa do Figueirense em 2010, de onde saiu para outros times de expressão até chegar ao Cruzeiro

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Willian
FERNANDA CARVALHO/O TEMPO
Willian "do Bigode" vestiu a camisa do Figueirense em 2010, depois passou pelo Corinthians, Metalist-UCR e Cruzeiro

O atacante Willian é postulante a uma das vagas na ofensiva do Cruzeiro no jogo contra o Figueirense, neste sábado, às 16h20, no estádio Orlando Scarpelli, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. Lutando com Marquinhos, Dagoberto e Marlone por um lugar entre os titulares contra o Figueira, o “Bigode Grosso” relembrou os seus tempos com a camisa do alvinegro de Florianópolis, onde jogou em 2010, mas disse que sua missão agora é ajudar o Cruzeiro.

“Foi um lugar que fui muito bem e muito feliz, sempre é bom estar voltando a Florianópolis, mas hoje defendo a camisa do Cruzeiro, tenho que fazer minha parte junto com meus companheiros e sabendo que será um jogo difícil”, disse Willian.

Na 13ª colocação do Brasileiro, o Figueirense ainda luta contra o rebaixamento. E esses é um dos motivos para que o Cruzeiro, na opinião de Willian, jogue com atenção fora de casa.

“O Figueirense em sua casa vem fazendo bons jogos, cabe a nós fazer o nosso jogo, tentar a vitória, que será muito importante nessa reta final do Campeonato Brasileiro. A torcida da equipe catarinense cobra bastante, até pelo fato de não estarem bem colocados. O estádio oferece um ótimo gramado e isso será fundamental para nossa equipe que toca muito a bola, vai facilitar o desempenho e tomara que possamos fazer um bom jogo para buscar o resultado positivo”, avaliou o camisa 25.

Leia tudo sobre: cruzeiroraposawillianfigueirense