"Jamais treinarei o Barcelona", diz técnico do Real

Carlo Ancelotti afirmou que quer permanecer por muito tempo no comando do time merengue e elogiou o trabalho de Luis Enrique no Barça

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Ancelotti afirma que time precisa analisar os erros para melhorar
REAL MADRID/ DIVULGAÇÃO
Ancelotti afirma que time precisa analisar os erros para melhorar

Um dia antes do principal clássico do Campeonato Espanhol, o treinador do Real Madrid, Carlo Ancelotti, afirmou que nunca treinará o Barcelona, rival deste sábado (25), em jogo que será realizado em Madri, pela nona rodada da competição.

Em entrevista a um programa da rádio Cadena SER, o treinador italiano afirmou que jamais aceitaria um convite para comandar o clube catalão, atual líder da tabela, com 22 pontos, quatro a mais do que a equipe merengue.

"Nunca treinarei [o Barcelona]. Tenho de respeitar minha história e a história dos clubes que treinei", disse Ancelotti, que também deixou clara sua vontade de permanecer por muito tempo no comando do Real.

Apesar da negativa em dirigir o time rival, o técnico italiano, 55 anos, elogiou o trabalho do técnico Luis Enrique, que deu mais consistência ao Barcelona, segundo ele próprio.

"Este ano, é mais vertical. Tem características da posse de bola, mas é mais vertical", analisou.

Desde que chegou ao Real Madrid, Ancelotti já enfrentou o rival Barcelona em três oportunidades, sendo uma vitória (2 a 1, pela Copa do Rei) e duas derrotas (1 a 2 e 3 a 4, ambas pelo Espanhol).

Leia tudo sobre: carlo ancelottiluis enriquereal madridbarcelonaclassico