Dorival confirma Valdivia, mas mantém suspense na zaga

Treinador diz que ainda não definiu a equipe; volante Marcelo Oliveira e zagueiro Lúcio estarão à disposição do comandante

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Fratura, detectada apenas agora, ocorreu em um treino já na última quarta-feira e não impediu o atleta de treinar
ESTADÃO CONTEÚDO
Fratura, detectada apenas agora, ocorreu em um treino já na última quarta-feira e não impediu o atleta de treinar

A única certeza que Dorival Júnior deu para o clássico contra o Corinthians, no sábado (25), no Pacaembu, é o retorno de Valdivia ao time titular. Após cumprir suspensão diante do Cruzeiro, na 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, o meia está liberado para jogar.

Nesta sexta-feira (24), o técnico do Palmeiras abriu mão do treino tático devido ao pouco tempo de recuperação dos jogadores e não esboçou a formação alviverde, mas, durante a entrevista coletiva, garantiu que promoverá apenas "duas ou três" mudanças em relação à equipe que entrou em campo em Belo Horizonte -uma delas, a entrada do chileno.

"Ainda não defini. Precisamos levar em conta a recuperação dos atletas", afirmou.

Para o duelo, válido pela 31ª rodada do Nacional, Dorival irá contar com Marcelo Oliveira -que não atuou em Minas Gerais por questões contratuais- no lugar de Renato. Lúcio, com dores musculares, também não atuou e poderá substituir Nathan -o que não foi confirmado por Dorival.

"Os dois têm os seus valores, e temos que pensar direito no momento da escalação. Daqui até amanhã, a definição vai acontecer", despistou o treinador.

A provável formação do Palmeiras para o clássico será composta por Fernando Prass; João Pedro, Lúcio (Nathan), Tobio e Juninho; Marcelo Oliveira, Victor Luis, Wesley, Mazinho (Mouche) e Valdivia; Henrique.

Com 35 pontos, os palmeirenses ocupam a 14ª colocação da tabela, a apenas quatro pontos do Vitória, que abre a zona do rebaixamento.

Leia tudo sobre: palmeirascorinthiansdorival juniorclassicovaldivia