Volks faz recall de 31 mil unidades do Jetta por problema no eixo

Se dano não for reparado, a utilização contínua do veículo pode causar a ruptura súbita do braço do eixo traseiro e a perda de controle, com risco de acidentes

iG Minas Gerais |

Alterações na frente foram discreta, concentradas nos faróis, grade e para-choque
James Halfacre/Volkswagen/Divulgação
Alterações na frente foram discreta, concentradas nos faróis, grade e para-choque

A Volkswagen anunciou nesta sexta-feira (24) o recall de 31.894 unidades do Jetta 2.0l Total Flex para inspeção dos braços do eixo traseiro.

Em comunicado, a empresa diz ter constatado a possibilidade de deformação desses componentes em veículos que sofreram colisão traseira ou lateral-traseira. Segundo a Volks, se o dano não for reparado, a utilização contínua do veículo pode causar a ruptura súbita do braço do eixo traseiro e a perda de controle do Jetta, com risco de acidentes.

O chamado para inspeção inclui os modelos 2011, 2012 e 2013. Os chassis envolvidos são: BM001374 até BM133813; CM002149 até CM155939; e DM000158 até DM097942. O serviço é gratuito e demora, em média, 30 minutos.

A empresa diz que está enviando cartas aos proprietários dos veículos envolvidos nesta ação. Os consumidores podem tirar dúvidas pela Central de Relacionamento com Clientes ou pelo telefone 0800-0198866. O site da Volkswagen também tem informações sobre o assunto.

SEGUNDO CHAMADO A Volks informou ainda que um componente adicional para evitar a perda súbita de controle do veículo em caso de ruptura do braço do eixo traseiro está sendo desenvolvido. Quando ele estiver pronto pronto, haverá um novo chamamento para instalar o componente nos braços do eixo traseiro. A instalação não terá custos para o consumidor.

FOLHAPRESS

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave