Jogadores não esperam vida fácil contra o Figueirense

Time afirmou que catarinenses vivem bom momento na competição

iG Minas Gerais | DIEGO COSTA |

Dagoberto é uma das opções de Marcelo Oliveira para suprir ausências na equipe titular
Joao Godinho/O Tempo
Dagoberto é uma das opções de Marcelo Oliveira para suprir ausências na equipe titular

Depois de empatar com o Palmeiras, em casa, na última quarta-feira, os jogadores do Cruzeiro já pensam no próximo compromisso, que será neste sábado, contra o Figueirense, às 16h20, em Florianópolis. Mais uma vez, a Raposa medirá forças com um time que está na parte debaixo da tabela. Os catarinenses estão em 13º lugar, com 35 pontos, uma posição acima do Verdão.

Mesmo com a diferença na classificação, os atletas acreditam que o Figueira está em um bom momento na competição. O atacante Dagoberto espera mais um jogo complicado.

"Mais uma batalha, uma equipe muito forte. O Argel (técnico do Figueirense) sabe montar muito bem as equipes. Temos que nos preocupar em seguir nessa toada nossa. A cada jogo, a gente fica mais próximo do objetivo principal", disse o atacante celeste.

Quem também prega cautela na próxima partida é o volante Henrique. Com passagem pelo clube do sul do país, ele ressalta as dificuldades que o Cruzeiro enfrentará no Orlando Scarpelli.

"Joguei lá em 2005, 2006 e 2007. Tive bons momentos lá. É ruim, difícil jogar lá. O time deles tem feito bons jogos dentro de casa. Vai ser complicado. Neste momento, no fim da competição, todos os jogos tem sido difíceis. Esperamos ir lá e buscar mais uma vitória, que é o desejo do Cruzeiro", afirmou Henrique.

Mesmo com a expectativa de um jogo difícil, Henrique afirma que o time vai tentar faturar os três pontos.

"Eles têm dado muita dificuldade para as equipes. Jogar lá é sempre complicado, sempre difícil, mas vamos em busca de mais uma vitória", completou.