Foco total no debate da Globo

Para a cientista política da Universidade Federal de São Carlos (Ufscar) Maria do Socorro Braga, o debate pode ter um impacto importante na corrida eleitoral

iG Minas Gerais | Larissa Arantes |

No primeiro turno, debate foi considerado decisivo para resultado
Ichiro Guerra/pt/3.10.2014
No primeiro turno, debate foi considerado decisivo para resultado

Além do último programa eleitoral na televisão e no rádio, a grande expectativa para hoje das campanhas e apoiadores dos presidenciáveis é para o debate da Rede Globo, marcado para a noite. No primeiro turno, tucanos avaliaram que o bom desempenho do candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, no último embate foi um dos fatores decisivos para alcançar votação suficiente para estar no segundo turno.  

Entre os petistas, o prognóstico para hoje é o de que a candidata à reeleição pelo PT, Dilma Rousseff, pelo menos “empate” com o adversário e não caia em “pegadinhas” que possam prejudicar seus argumentos. A campanha teme que o PSDB apresente uma “carta na manga” no debate como uma nova denúncia que possa prejudicar a petista. Porém, o partido acredita que as denúncias já foram usadas à exaustão e, por isso, é difícil haver um fato novo.

Para a cientista política da Universidade Federal de São Carlos (Ufscar) Maria do Socorro Braga, o debate pode ter um impacto importante na corrida eleitoral. “A tendência é que o resto desses indecisos se defina neste último debate”, diz.

Dilma viajou para o Rio de Janeiro nesta quinta e não cumpriu agendas públicas para se preparar para o debate. Aécio seguiu para o Rio de Janeiro na noite de quarta-feira e, durante parte da manhã desta quinta, também se concentrou na preparação para o debate da Globo. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave