Câmara Municipal receberá mais de R$ 51,7 milhões

iG Minas Gerais | Da Redação |

Na proposta orçamentária, a prefeitura destinou para o ano que vem R$ 51,747 milhões para a Câmara Municipal. Gastos com a verba indenizatória, os salários dos 23 vereadores e de seus assessores, além de aluguéis e outras manutenções, vão consumir o maior orçamento da história do Legislativo municipal, com R$ 1 milhão a mais do que o repassado em 2014.

De acordo com o orçamento, R$ 30,7 milhões serão destinados apenas para a manutenção dos gabinetes dos vereadores. Outros R$ 13,2 milhões serão usados para a manutenção de serviços administrativos. O gasto com a previdência chegará a R$ 4,5 milhões, e os encargos com inativos e pensionistas, a R$ 665 mil.

Emendas Os vereadores têm até o dia 29 de novembro para apresentarem emendas ao orçamento municipal, que serão votadas em plenário. Nos últimos anos, como a base aliada do governo sempre foi maioria na Câmara Municipal, todas as emendas propostas pelos parlamentares foram rejeitadas em votação.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave