Número de endividados e inadimplentes cai em outubro

Os inadimplentes, ou seja, famílias com dívidas ou contas em atraso, passaram de 19,2%, em setembro deste ano, para 17,8% no mês seguinte

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Anuidade é uma das que apresentam maiores diferenças entre as operadoras
PEDRO SILVEIRA 28122009
Anuidade é uma das que apresentam maiores diferenças entre as operadoras

O número de famílias endividadas ou com contas em atraso caiu em outubro deste ano, segundo dados da Pesquisa Nacional de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). O número de famílias sem condições de pagar suas contas também caiu.

De acordo com a pesquisa divulgada nesta quinta-feira (23), o percentual de famílias com dívidas como cartão de crédito e financiamento, entre outras, caiu de 63,1% em setembro para 60,2% neste mês. Em outubro do ano passado, a taxa era 62,1%.

As famílias que se dizem muito endividadas caíram de 12,6%, em outubro do ano passado, para 11% em outubro deste ano. A maior parte das dívidas é com o cartão de crédito (74,7%). Outras dívidas comuns são com pagamento de carnês (17,3%), financiamento de carro (14,1%), crédito pessoal (9,3%) e financiamento de casa (8,7%).

Os inadimplentes, ou seja, famílias com dívidas ou contas em atraso, passaram de 19,2%, em setembro deste ano, para 17,8% no mês seguinte. Em outubro do ano passado, o percentual era 21,6%. O tempo médio para pagar as dívidas ficou em 58,5 dias.

As famílias sem condições de pagar suas contas ou dívidas somaram 5,4% do total, taxa inferior às registradas em setembro deste ano (5,9%) e em outubro do ano passado (7,3%).

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave