Robinho nega acusações de estupro na Itália e lamenta boatos

Revoltado, o atacante afirma que está sendo alvo de notícias mentirosas e que todas as providências legais já estão sendo tomadas

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O craque do Santos se pronunciou sobre o fato em nota oficial divulgada no seu site
Divulgação/ site Robinho
O craque do Santos se pronunciou sobre o fato em nota oficial divulgada no seu site

Após ser publicado por jornais italianos de que o atacante Robinho do Santos teria envolvimento em um caso de estupro coletivo de uma brasileira de 18 anos em 2013 - quando ainda atuava pelo Milan- o jogador resolveu se pronunciar sobre o fato em seu site.  Em nota oficial publicada no seu site, o craque do Peixe  lamentou as acusações e afirma que a imprensa está divulgando falsas informações sem apurar os fatos.

No comunicado, Robinho afirma não ter nenhuma participação no suposto estupro em Milão e que o episódio está sendo levantado “ justamente em um período que atravessa uma boa fase profissional, pessoal e familiar”. Além disso, a nota informa que todas as providências legais estão sendo tomadas.

Nesta quarta-feira, o jornal italiano Corriere della Sera , publicou uma reportagem afirmando que o Ministério Público local fez um pedido de prisão preventiva do jogador.  Mas a juíza italiana, Alessandra Simon, concedeu a Robinho o direito de responder às acusações em liberdade, já que o atacante não possui antecedentes criminais, o que segundo ela, não atrapalharia nas investigações.

O comunicado também esclarece o suposto caso de violência sexual que Robinho foi acusado, quando morava na Inglaterra e atuava pelo Manchester City. Segundo a nota, na época, Robinho foi alvo de acusações mentirosas e a investigação da polícia local comprovou a sua inocência.

O jogador afirma que apesar de estar revoltado com os boatos, está bem amparado pela família e pelas pessoas que torcem por ele.

Confira a nota completa divulgada no site oficial do Robinho:

“Diante das informações envolvendo o jogador de futebol Robson de Souza (Robinho), noticiadas irresponsavelmente hoje nos meios de comunicações da Itália, e replicadas no Brasil sem qualquer apuração quanto à sua veracidade, Robinho afirma que não tem qualquer participação no episódio mencionado. Todas as providências legais já estão sendo tomadas. Robinho lamenta o episódio, que é levantado sem qualquer fundamento, justamente em um período que atravessa uma boa fase profissional, pessoal e familiar.

Em relação ao caso de Londres, fato não apurado profundamente pela imprensa e lembrado agora de forma oportunista, Robinho informa que foi acusado de forma leviana e mentirosa; sendo que, após investigação policial (concluída), foi comprovada a sua inocência, e, em contrapartida, a autora da falsa acusação foi denunciada pela polícia londrina e responde processo pelo crime de falsa acusação e calúnia.

Robinho afirma que, apesar de revoltado, está muito bem amparado pela família e em Deus. Ele agradece a todos que torcem por ele, que conhecem sua índole, e, portanto, sabem que jamais cometeria tal ato”.

Leia tudo sobre: robinhosantosmilanitaliaestupronota oficial