Avacoelhada

iG Minas Gerais |

Presidencialismo ou conselho administrativo? Em tempos de eleições e de pesquisas de opinião, o sistema presidencialista, com 82% dos votos, foi o vencedor na enquete realizada no grupo da Avacoelhada no Facebook. A falta de definição das funções de cada um dos dirigentes do atual conselho do América é um dos motivos da grande rejeição. Embora sejam nove presidentes, Salum é considerado, por grande parte dos americanos, o principal responsável pela tomada de decisão. No sistema presidencialista, pelos menos, haveria um organograma com as responsabilidades dos vice-presidentes e respectivos diretores. Mas a alteração, prevista para dezembro, será só a nova composição do conselho gestor para os próximos três anos. Outra mudança bastante esperada pela maioria da torcida é a saída de Alexandre Faria e a contratação de um novo executivo.

A voz da Massa

Saudações alvinegras! O amigo Rafael, lá do bairro das Indústrias, me perguntou se eu acho que o fim da concentração, estipulado por Levir Culpi, é a razão do bom desempenho do Galo neste segundo semestre. Rafael e demais amigos atleticanos, essa, a meu ver, é uma das razões, pois indica uma relação de confiança entre comissão técnica e jogadores, mas não é a principal delas. O atual bom desempenho do Galo resulta de uma série de outros fatores, além desse aí. Mas, vejam, a concentração não pode ser vista como um peso ou um castigo. Ela é muito útil para preparar o jogador, pois controla a alimentação, descansa quando é preciso, dá uma freada nos mais saidinhos e fortalece o espírito de equipe, dentre outros benefícios. Como diz o povo, “o combinado não sai caro”. Se ninguém até hoje reclamou e está dando certo, mudar pra quê?

A voz Celeste

Saudações celestes, nação azul. Sete pontos nos separa do segundo colocado do Campeonato Brasileiro, com nove rodadas importantes pela frente. Nas próximas quatro, pegaremos Palmeiras (hoje), Figueirense, Criciúma e Botafogo, sendo apenas o jogo contra o Figueira fora de casa. Prevejo a possibilidade de pontuarmos bem, talvez até conseguir dez pontos. Convoco todos os guerreiros azuis para que compareçam à nossa casa, a Toca 3, estádio onde a Raposa é detentora do maior número de títulos. É hora de lotar, cantar, gritar, sair do estádio sem voz e nos tornarmos o 12º guerreiro celeste. Quero aqui deixar minha homenagem ao jovem George Cesar Oliveira Pereira, guerreirinho cruzeirense que faleceu vítima de leucemia. Que o tetracampeonato seja para você. Desejo a todos os familiares meus sinceros sentimentos e que Deus o receba em seus braços! 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave