Cruzeiro recebe garantida jurídica do STJD e pode escalar Breno Lopes

Clube também reclamou da arbitragem dos dois últimos jogos, contra o ABC e Vitória

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Contra o Coxa, lateral-esquerdo Breno Lopes pode ter a sua primeira oportunidade vestindo a camisa celeste
Gualter Naves/Light Press
Contra o Coxa, lateral-esquerdo Breno Lopes pode ter a sua primeira oportunidade vestindo a camisa celeste
O Cruzeiro recebeu nesta segunda feira a garantia jurídica do STJD para escalar o lateral-esquerdo Breno Lopes, contratado no fim de setembro. Assim, o jogador pode ser relacionado para a partida desta quarta-feira, contra o Palmeiras, no Mineirão.    Antes de acertar com o clube mineiro, Breno Lopes havia disputado 20 partidas pelo Paraná, pela Série B deste ano. Apesar de entender que o atleta tinha condições legais de jogo, o presidente Gilvan de Pinho Tavares preferiu aguardar um documento que liberasse o lateral para atuar pelo Cruzeiro.    O dirigente alegava que o regulamento da competição não deixava claro se o limite de seis partidas para se transferir um jogador para outro clube valia somente para a mesma divisão, ou também considerava  equipes de séries diferentes, que é o caso de Breno Lopes.   Na bronca: O clube celeste também informou que enviou à CBF uma carta de reclamação contra as atuações dos árbitros Anderson Daronco, que apitou o jogo contra o ABC pelas quartas de final da Copa do Brasil, e Raphael Claus, que apitou o triunfo sobre o Vitória, nesse domingo, em Salvador.    Nas duas partidas, o clube entende que foi prejudicado por erros da arbitragem. 

Leia tudo sobre: CruzeiroBreno Lopeslateral-esquerdofutebolSTJDliberação