Jornalista dá volta ao mundo de carona

iG Minas Gerais |

Kívia Costa diz que dá para trabalhar de qualquer lugar do mundo
Arquivo pessoal
Kívia Costa diz que dá para trabalhar de qualquer lugar do mundo

A jornalista Kívia Costa, 28, de Bom Despacho, no Centro-Oeste mineiro, deixou, há sete anos, o Brasil e foi morar na Alemanha, onde passou um ano. O idioma, no qual hoje ela é fluente, ainda estava engatinhando quando ela entrou no avião. Seis anos depois, ela largou um emprego estável e bem remunerado em um banco e saiu em busca de um objetivo: dar a volta ao mundo pedindo carona.

Foram mais de 5.000 km em carros de desconhecidos, 13 meses e quase 40 países visitados. “Até eu duvidava que fosse conseguir ir à Ásia”, conta, orgulhosa por ter chegado tão longe. Na mala, ela tinha apenas os vistos da China e dos Estados Unidos. A jornalista voltou para a Grécia no primeiro dia de outubro deste ano para reencontrar o namorado, que conheceu na sua passagem por lá, em abril. (Letícia Silva)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave