Lady Gaga diz que sofreu assédio moral e sexual no início da carreira

Coincidentemente ou não, a declaração torna-se pública na mesma semana em que Kesha processa seu produtor Dr. Luke por abuso sexual

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

WALLY SANTANA/ASSOCIATED PRESS
undefined

Em entrevista ao site The Times, a cantora Lady Gaga contou que, no início da carreira, quando era mais jovem, vários homens tentaram se aproveitar dela nos estúdios. Ela disse que o assédio moral e sexual para quem está na indústria da música é muito comum e deixou um recado para as novatas. “Quando as jovens mulheres que estão nessa indústria lerem essa reportagem, eu espero que entendam que não têm que tolerar isso”.

Coincidentemente ou não, a declaração torna-se pública na mesma semana em que Kesha processa seu produtor Dr. Luke por abuso sexual. Segundo Gaga, a situação é mais comum do que se imagina, e as mulheres não podem aceitar isso.

E mais uma vez Gaga alerta as mulheres que estão começando agora a carreira nessa área. “Eu espero ser uma inspiração. Se você é talentosa o suficiente, você pode trabalhar duro e alcançar seus sonhos. É muito difícil essa indústria, e há um monte de tubarões”, apontou.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave