França inicia sábado controle de voos procedentes da Guiné-Conacri

A temperatura corporal dos passageiros vai ser medida por uma equipe médica do aeroporto, com o apoio da Cruz Vermelha e da Proteção Civil

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Os controles sanitários à chegada ao aeroporto parisiense de Roissy (Charles de Gaulle) dos voos procedentes da Guiné-Conacri começam sábado (18), anunciou nesta quinta-feira (16) a ministra da Saúde da França, Marisol Touraine.

A temperatura corporal dos passageiros vai ser medida por uma equipe médica do aeroporto, com o apoio da Cruz Vermelha e da Proteção Civil, disse a ministra, acrescentando que o procedimento vai ser feito no avião, antes, portanto, da entrada no aeroporto.

Os voos com partida para a Guiné-Conacri também terão controle mais rígido, acrescentou Marisol.

O anúncio da medida foi feito nessa quarta-feira (15) pelo presidente francês, François Hollande, em comunicado, depois de uma conversa com representantes dos Estados Unidos, da Alemanha, do Reino Unidos e da  Itália. O governo garantiu que vai construir novos centros de tratamento para combater a doença na Guiné-Conacri.

Na mesma videoconferência, Hollande explicou que a medida se aplica aos voos procedentes da área afetada pelo vírus, apesar de não ter especificado que países eram visados.

Desde o início do surto, em março passado, foram registrados 8.997 casos de ebola, com 4.493 mortes, a maioria na Libéria, em Serra Leoa e na Guiné-Conacri, segundo relatório da Organização Mundial da Saúde divulgado nessa quarta-feira (15).

Leia tudo sobre: ControlepassageirosprevençãovoosaeroportosFrançaGuiné-ConacriEbolaVírusEpidemiaContaminaçãoMundoSaúde