Polícia Federal realiza operação de combate à pedofilia em 18 Estados

A quadrilha, segundo a PF, divulga imagens de menores nus e em poses sensuais e é suspeita de abusar sexualmente de crianças e adolescentes

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

arquivo stockxpert
undefined

A Polícia Federal faz nesta quarta-feira (15) uma megaoperação para confirmar a identidade e prender suspeitos de pedofilia.

De acordo com informações da PF, estão sendo cumpridos mais de cem mandados de busca e prisão em 18 Estados e no Distrito Federal. A operação, batizada de Darknet, conta com a participação de mais de 500 policiais federais.

A quadrilha, segundo a PF, divulga imagens de menores nus e em poses sensuais e é suspeita de abusar sexualmente de crianças e adolescentes.

As informações obtidas durante as investigações que envolvem suspeitos de outros países foram repassadas para autoridades de Portugal, Itália, Colômbia, México, Venezuela.

No Paraná foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão -Curitiba (1), Araucária (2) e Campo Magro (2)- e foram realizadas três prisões, uma em cada cidade.

No decorrer da investigação iniciada há um ano, pelo menos seis crianças foram resgatadas de situações de abuso ou do iminente estupro, em diversos locais do Brasil. Em um dos casos, um pai relatava que iria abusar da filha assim que ela nascesse. Nesses episódios, policiais federais agiram e evitaram que as crianças permanecessem ou se tornasse vítima, prendendo quatro investigados.