Mano ironiza possível punição ao Corinthians no STJD

Clube pode perder quatro pontos no Brasileirão por ter escalado Petros de forma irregular, mas técnico garante que grupo não está preocupado

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Ao ser questionado pelos jornalistas, Mano preferiu esconder o futuro dele no Timão
Divulgação Corinthians
Ao ser questionado pelos jornalistas, Mano preferiu esconder o futuro dele no Timão

O técnico Mano Menezes, do Corinthians, reagiu com ironia nesta terça-feira ao ser perguntado sobre a possível punição do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) à equipe com a perda de quatro pontos no Brasileirão por escalação irregular do meia Petros em jogo contra o Coritiba, no dia 3 de agosto. O treinador descartou que o elenco seja afetado por ter recebido a notícia na véspera de decidir a vaga na semifinal final da Copa do Brasil e sugeriu que o clube tem sido vítima de perseguição.

"A gente está ficando acostumado a coincidentemente antes de jogos decisivos aparecer uma denúncia ou coisa do tipo. Mas estamos tranquilos, porque o clube sabe como deve fazer nessas situações", disse o treinador. Segundo o STJD, Petros rescindiu o empréstimo com o Corinthians no dia 1º de agosto e já no dia seguinte, um sábado, assinou um outro vínculo com o clube. Porém como não se trata de dia útil, não se pode registrar novos contratos.

O meia só foi escalado no domingo porque na própria sexta-feira o Boletim Informativo Diário (BID) publicou o seu nome. O caso foi enquadrado no artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê a perda de três pontos, mais a pontuação conquistada na partida - os times empataram sem gols no Couto Pereira.

A equipe fez nesta terça-feira o último treino antes de viajar para Belo Horizonte, onde enfrenta nesta quarta o Atlético-MG, pela partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil. O Corinthians ganhou a ida por 2 a 0 e pode até perder por um gol de diferença que estará classificado. Mano não revelou o time titular e as grandes dúvidas são as presenças do volante Ralf e do meia Renato Augusto, que se recuperam de problemas musculares.

Leia tudo sobre: corinthiansmano menezestecnicostjdfutebolpetros