Primeiro atrito com a imprensa

iG Minas Gerais |

Singapura. O técnico Dunga voltou a viver um momento de atrito ontem com o repórter da TV Globo, Tino Marcos, após um período de relativa calmaria nas relações com a imprensa desde que reassumiu o comando da seleção brasileira, em julho.

Durante entrevista em Singapura, onde o Brasil joga um amistoso contra o Japão, o treinador se irritou ao ser questionado sobre um episódio do jogo contra a Argentina, no último sábado, em Pequim. Imagens do fim da partida mostraram Dunga numa acalorada discussão com o banco adversário. Num certo momento, o treinador esfrega o nariz repetidamente e aponta para um dos membros da comissão técnica argentina dizendo: “Você é igualzinho”.

O gesto foi interpretado por alguns como uma referência ao uso de cocaína do ex-jogador Maradona, mas Dunga negou que essa tenha sido a sua intenção ao ser questionado por Tino Marcos. O treinador afirmou que era uma menção ao fato de os jogadores terem a respiração prejudicada por causa da poluição na capital chinesa. “Quem está falando que usou droga ou não é você”, rebateu Dunga. “Nós estamos trabalhando na seleção brasileira, e eu acredito que o torcedor brasileiro quer um time competitivo e com sangue na veia. Se quiser um time mais tranquilo e ponderado, aí depende das escolhas.”

O atrito se ampliou devido a uma confusão na tradução da pergunta, que teve que ser repetida. A essa altura, era visível a irritação de Dunga. Depois de sua volta ao cargo de técnico da seleção, em julho deste ano, Dunga prometeu ter mais paciência para evitar novas rusgas com a imprensa.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave