Internacional se recupera de goleada e bate Fluminense

Com o resultado, a equipe gaúcha termina a 28.ª rodada de volta ao segundo lugar no campeonato, agora com 50 pontos

iG Minas Gerais | Agência Estado |

O Internacional mostrou que gosta de testar as emoções de seu torcedor. Após o fiasco que fez no meio de semana ao ser goleado pela Chapecoense por 5 a 0, o time colorado jogou uma boa partida, neste domingo, vencendo o Fluminense por 2 a 1, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre.

Com o resultado, a equipe gaúcha termina a 28.ª rodada de volta ao segundo lugar no campeonato, agora com 50 pontos, seis atrás do líder Cruzeiro, que perdeu para o Flamengo por 3 a 0 no Rio, e na frente do São Paulo, que ficou com 49. Já o Fluminense, mais distante do G4, mantém a oitava colocação, com 42 pontos.

O Internacional começou ganhando, cedeu o empate, mas venceu no final. O time colorado abriu o placar aos 7 minutos do segundo tempo. Alex recebeu livre, deixou para trás a defesa do Fluminense, que fez linha de impedimento, e tocou por cima do goleiro Diego Cavalieri.

Mas o Fluminense reagiu e empatou. Aos 40 minutos, Fred se posicionou bem na área, recebeu cruzamento e marcou de cabeça. O empate deixou o torcedor colorado apático, depois de todo um primeiro tempo vendo seu time sendo superior e se retrancando na etapa complementar.

Mas o Internacional mostrou que ainda estava vivo. Dois minutos depois de sofrer o empate, Valdívia arrancou pelo meio, após passe de D´Alessandro, e chutou forte no ângulo. "Foi um gol de muita emoção. Eu já estava devendo isso ao Inter", disse o meia.

"Hoje (domingo) a gente botou a cabeça no lugar, se concentrou e conseguiu esse resultado", avaliou o volante Bertoto ao fim do jogo. "O time todo lutou até o final e participar desse jogo foi muito importante para mim", destacou o ídolo Nilmar, em seu primeiro jogo no Beira-Rio após a sua volta.

Pela 29.ª rodada, o Internacional joga novamente no próximo domingo, às 16 horas, contra Corinthians, novamente em Porto Alegre. Já o Fluminense encara o Criciúma, um dia antes, às 18h30, no estádio do Maracanã, no Rio.

Leia tudo sobre: Internacionalfutebolcampeonato brasileiro