Hamilton festeja vitória e diz que Mercedes fez história

Piloto inglês classifica fim de semana como "incrível" e rasga elogios pelo desempenho de sua equipe na Fórmula 1

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Lewis Hamilton teve bons motivos para comemorar neste fim de semana. O inglês conquistou a sua quarta vitória consecutiva na temporada 2014 da Fórmula 1 ao ganhar o GP da Rússia, no circuito de Sochi, ampliou a sua vantagem na liderança do Mundial de Pilotos e ainda viu a Mercedes conquistar o título do Mundial de Construtores com três corridas de antecedência. Por isso, ele classificou o fim de semana como "incrível" e elogiou o excelente desempenho da Mercedes.

"Foi um bom dia e um fim de semana incrível. Em primeiro lugar, estou muito orgulhoso de ter contribuído para o trabalho desta grande equipe, e é uma grande conquista para a Mercedes conquistar o seu primeiro campeonato de construtores. Parabéns para os caras na Grã-Bretanha e na Alemanha, nós fizemos história", disse.

Pole position do GP da Rússia, Hamilton não teve muitas dificuldades neste domingo, a não ser na primeira volta quando perdeu momentaneamente a liderança para o alemão Nico Rosberg. Assim, a sua maior preocupação foi administrar o equipamento durante a corrida em Sochi.

"Hoje tive que administrar muito os pneus durante a corrida, o combustível não foi um problema, o carro estava ótimo e eu não tive que forçar muito. No final, quando Nico estava atrás, eu precisava administrar o tempo, o que eu fiz", afirmou.

Com isso, Hamilton se tornou o primeiro piloto a vencer uma edição do GP da Rússia, que fez a sua estreia no calendário da Fórmula 1 nesta temporada. E o inglês destacou que gostou muito de toda a atmosfera que envolveu a corrida no circuito de Sochi.

"Eu gostei do fim de semana aqui na Rússia, é um ótimo lugar. Foi uma das minhas pistas favoritas até agora este ano, por isso é muito legal ter vencido a primeira corrida aqui. Os fãs foram incríveis, eu não sabia que tantas pessoas me apoiavam aqui, mas eles estavam todos lá nas arquibancadas e pareciam animados", comentou.

Com a vitória, a quarta seguida, Hamilton chegou aos 291 pontos e abriu 17 de vantagem para Rosberg, que soma 274. Faltam três corridas, com 100 pontos em disputa, para o encerramento da temporada.

Leia tudo sobre: hamiltonf1mercedes