Dovizioso fatura a pole da etapa japonesa do mundial

Piloto italiano da Ducati liderou o treino de classificação e conquistou a primeira colocação no grid de largada

iG Minas Gerais | Agência Estado |

Italiano encerrou um jejum de quatro anos da Ducati sem conquistar uma pole position na MotoGP
Andrea Dovizioso Oficial/reprodução
Italiano encerrou um jejum de quatro anos da Ducati sem conquistar uma pole position na MotoGP

Ao menos neste sábado, a Ducati surpreendeu e "estragou" a festa da Honda, que corre em casa na etapa do Japão da MotoGP, a 15ª das 18 previstas para este campeonato e realizada no circuito de Motegi. Afinal, a equipe liderou o treino de classificação e conquistou a pole position com o italiano Andrea Dovizioso, que já havia liderado os treinos livres de sexta-feira.

Dovizioso foi o mais rápido na segunda e decisiva fase da sessão classificatória ao marcar o tempo de 1min44s502, registrando a melhor volta da atividade e também o novo recorde do circuito de Motegi. Assim, o italiano encerrou um jejum de quatro anos da Ducati sem conquistar uma pole position na MotoGP - a última havia sido com o australiano Casey Stoner na etapa de Valência de 2010.

No treino de classificação, Dovizioso foi seguido por outro piloto italiano: Valentino Rossi, da Yamaha, que marcou 1min44s557 para garantir a segunda posição. A primeira fila do grid de largada da etapa do Japão será completada pelo espanhol Dani Pedrosa, que foi o piloto melhor colocado da Honda ao fazer o tempo de 1min44s755 para assegurar o terceiro lugar.

Ele ficou à frente do compatriota Marc Márquez, seu companheiro de equipe na Honda e que pode conquistar o título mundial por antecipação neste fim de semana. Em quarto lugar, Márquez abre a segunda fila após registrar uma volta em 1min44s775 na sessão de classificação.

O também espanhol Jorge Lorenzo, da Yamaha, foi o quinto mais rápido, com 1min44s785. E o italiano Andre Iannone, da Pramac Ducati, completa a segunda fila do grid de largada em Motegi depois de garantir a sexta colocação com a marca de 1min44s854.

O espanhol Pol Espargaró, da Tech 3 Yamaha, foi o sétimo mais rápido, seguido do britânico Cal Crutchlow, da Yamaha, do alemão Stefan Bradl, da LCR Honda, e do também britânico Bradley Smith, da Tech 3 Yamaha, que completam, em ordem, a lista dos dez primeiros colocados do grid.

A etapa do Japão da MotoGP será disputada neste domingo, com largada prevista para as 2 horas (de Brasília) no circuito de Motegi.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave