Dedé comemora retorno do jogo contra o Palmeiras para o Mineirão

Cruzeiro conseguiu o efeito suspensivo da perda de um mando de campo após os incidentes no clássico

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Anderson Vital da Silva / Nascimento: 01/07/1988 / 34 jogos na temporada / Gols: 4 / Desarmes: 74 / Finalizações certas: 13 / Cartões amarelos: 9 / Cartões vermelhos: 0
Associated Press
Anderson Vital da Silva / Nascimento: 01/07/1988 / 34 jogos na temporada / Gols: 4 / Desarmes: 74 / Finalizações certas: 13 / Cartões amarelos: 9 / Cartões vermelhos: 0

Jogar dentro de casa é sempre muito importante para o Cruzeiro, que é considerado o melhor mandante do Campeonato Brasileiro, com 11 vitórias em 14 jogos. E após recuperar, na tarde dessa quinta-feira, o direito de jogar no Mineirão contra o Palmeiras, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, os jogadores celebraram a oportunidade de enfrentar os paulistas em casa.

O zagueiro Dedé - que não esteve em campo na derrota para o Corinthians, na última quarta-feira, por estar suspenso- ficou feliz com a decisão.

"Essa é uma notícia muito boa. O Mineirão é nossa casa, onde sabemos jogar bem, porque conhecemos todos os espaços do campo. Todos os adversários que nos enfrentam aqui, encontram muitas dificuldades. A torcida incentiva muito. Essa decisão é uma vitória para gente e espero que possamos aproveitar essa oportunidade de jogar aqui para conseguirmos somar mais três pontos", afirmou o defensor.

Antes do confronto com o Palmeiras, a Raposa terá pela frente uma longa sequência de jogos fora de Belo Horizonte, contra Flamengo, ABC-RN e Vitória. O primeiro desafio será domingo, contra o time rubro-negro, às 16h, no Maracanã, pela 28ª rodada do Brasileirão. O zagueiro cruzeirense destacou a importância da presença da torcida celeste também nos jogos no Rio de Janeiro, como aconteceu nos confrontos com Botafogo e Fluminense, ambos no primeiro turno.

"Tenho certeza que a torcida do Flamengo irá encher o Maracanã, mas o torcedor do Cruzeiro, nos últimos dois jogos que tivemos lá, deram muito apoio para o nosso time. Tinha muita torcida a nosso favor, isso até nos surpreendeu, porque, quando entramos em campo, vimos que a parte reservada aos cruzeirenses estava praticamente lotada. Isso mexe com a gente, nos incentiva ainda mais e faz com que a partida seja diferente", concluiu.

Líder do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro vem de derrota para o Corinthians na última quarta-feira, e por isso manteve os 56 pontos, sete a frente do segundo colocado, o São Paulo. A Raposa precisa de seis vitórias em 11 jogos para alcançar os 74 pontos e praticamente faturar a taça do Brasileirão em 2014.

Na semana que vem, a Raposa terá mais jogos longe do Mineirão. Na quarta-feira, dia 15, o time celeste fará o seu segundo duelo com ABC-RN, em busca de uma vaga nas semifinais da Copa do Brasil. O jogo será disputado às 22h, na Arena das Dunas, em Natal. Em seguida, os cruzeirenses viajam para a Bahia, para enfrentar o Vitória, no Barradão, domingo, às 18h30, pela 28ª do Campeonato Brasileiro. 

Leia tudo sobre: DedécomemoraretornojogocontraPalmeirasMineirãobrasileiromando