Djokovic bate 'freguês' Ferrer e fará semifinal na China

Com o triunfo por 2 sets a 0, o número 1 do mundo ostenta 13 vitórias em 19 duelos diante do espanhol, sendo que David Ferrer não consegue bater o adversário desde 2011

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Cabeça de chave número 2, Djokovic terá pela frente o canadense Milos Raonic
Divulgação/US Open
Cabeça de chave número 2, Djokovic terá pela frente o canadense Milos Raonic

Naquela que foi a sua sétima vitória seguida sobre David Ferrer, Novak Djokovic bateu o espanhol por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/2, nesta sexta-feira, para garantir vaga nas semifinais do Masters 1000 de Xangai. O tenista número 1 do mundo precisou de uma hora e 34 minutos em quadra para superar o atual quinto colocado do ranking da ATP.

Com a vitória, Djokovic agora espera pela definição do confronto entre o suíço Roger Federer e o francês Julien Benneteau, que atuarão ainda nesta sexta na China, para saber quem irá enfrentar neste sábado no confronto que valerá uma vaga na decisão.

O tenista de Belgrado agora ostenta 13 vitórias em 19 duelos diante de Ferrer, sendo que o espanhol não consegue bater o adversário desde 2011, quando levou a melhor em duelo válido pelo ATP Finals, torneio que reúne os melhores tenistas de uma temporada.

Neste novo embate com o espanhol, Djokovic confirmou todos os seus saques no primeiro set e, ao aproveitar um de três break points, fechou a parcial em 6/4. Em seguida, ainda mais dominante, foi absoluto com o seu serviço e ainda foi feliz em duas de quatro oportunidades de ganhar games no saque do rival para aplicar o 6/2 que liquidou a partida.

Atual tricampeão do Masters de Xangai, Djokovic não perde um jogo no torneio chinês desde quando caiu diante de Federer na semifinal de 2010. Agora, eles poderão se reencontrar em um provável novo duelo por uma vaga na decisão.

A outra semifinal em Xangai já está definida e marcará o confronto entre o francês Gilles Simon e o espanhol Feliciano López. Simon, que na segunda rodada já havia surpreendido o suíço Stan Wawrinka, desta vez passou pelo checo Tomas Berdych, sexto cabeça de chave, com uma vitória por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/4), 4/6 e 6/0. Já López, algoz de Rafael Nadal também na segunda fase da competição, avançou nesta sexta ao superar o russo Mikhail Youzhny, de virada, com 5/7, 6/4 e 6/4.