Levir classifica empate como normal e elogia postura tática do Galo

Treinador alvinegro disse que as duas equipes tiveram atuações parecidas e que o resultado acabou sendo justo

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O empate com o Fluminense, na noite desta quinta-feira, não era o resultado que o Atlético queria, já que o time acabou deixando o G-4. No entanto, foi visto como um placar normal pelo técnico Levir Culpi, devido às dificuldades da partida e às ausências.

O treinador aproveitou a deixa para parabenizar o empenho de todos os atletas, num esquema tático com apenas um volante e cinco jogadores com características ofensivas, mas que tinham obrigação de ajudar o sistema defensivo.

“Resultado de 0 a 0 é sem sal. Mas, como as duas equipes são equivalentes, acabou sendo normal. As duas tiveram chances para matar o jogo. Mas gostei da parte tática, gostei do posicionamento dos jogadores”, avaliou Levir.

Um dos pontos que desagradou o treinador alvinegro foi o excesso de impedimentos. “Tivemos muitos problemas durante o jogo. Mas sabíamos que a zaga do Fluminense jogava bem adiantada. Falhamos um pouquinho nesse que seria o caminho para obter a vitória”, comentou o técnico.

Calvário. No primeiro encontro com Fred, após a Copa do Mundo, Jô passou em branco novamente, completando sua 22ª partida seguida sem balançar as redes. Nem por isso, o camisa 7 perde a confiança de Levir Culpi, que falou a respeito do duelo entre os centroavantes.

“(Jô e Fred) são dois jogadores de alta qualidade, controlam essa parte ofensiva, usam bem a bola aérea e protegem a bola. Mas faltou chances para eles. Não tiveram praticamente nenhuma. Reconheço a qualidade técnica dos dois. Mas faltou o gol. E se não faz, não fica bem para o atacante”, disse.

Leia tudo sobre: AtleticoGaloLevir Culpi